Descubra Qual Tipo de Asfalto é mais Vantajoso para o seu Negócio

Descubra Qual Tipo de Asfalto é mais Vantajoso para o seu Negócio

O asfaltamento em ruas, estradas e avenidas garante excelência e segurança na mobilidade urbana. Isso porque assegura que a estrutura dos veículos não seja comprometida e previne acidentes. Para que a pavimentação seja feita de forma correta e atenda às necessidades do seu negócio, é importante saber que existem alguns tipos de asfalto para cada caso.

Tipos de pavimentação de ruas

O flexível é feito com bases granulares e revestimento asfáltico. O semirrígido tem base cimentada e revestimento flexível.

Os tipos de pavimentação de ruas devem ser projetados especificamente para cada situação. Afinal, superfícies diferentes demandam asfaltos diferentes. Em bairros residenciais, as ruas geralmente são asfaltadas com o tipo mais comum, já rodovias por onde transitam veículos de grande porte necessitam de um revestimento mais forte.

O asfalto, na maioria dos casos, é o melhor tipo de pavimentação de ruas, uma vez que suporta melhor os impactos, além de aceitar a execução de reparos localizados. Já o pavimento flexível tem um custo mais acessível, a aplicação é rápida e fácil, aceita manutenções e pode ser feita uma reciclagem parcial ou total do produto.

Asfalto Frio

Em áreas comerciais e condomínios, é o mais utilizado devido à sua rápida aplicação e absorção. De fato, o local é liberado imediatamente, o que garante a comodidade dos moradores e usuários da via. Sendo assim, esta é a opção mais vantajosa.

O asfalto frio é ideal para operações de reparos, cobertura de buracos, entre outros serviços emergenciais, pois, por se tratar de um concreto asfáltico que passa por um processo de usinagem a quente e depois é aplicado a frio, vem completamente pronto para uso, não é emulsificado e não demanda água.

Outra vantagem do asfalto frio é que ele resolve o problema de não deixar abrir mais buracos, então, possibilita a aplicação em pontos molhados, ou até em buracos com água, uma vez que ele não se mistura, assim, a composição e a aplicação não ficam comprometidas.

Além disso, com o atrito, ele sofre aderência, o que dificulta, dessa forma, o surgimento de novos danos e/ou a necessidade de reparos a curto prazo.

Asfalto quente 

Para a produção do asfalto quente, chamado de asfalto CBUQ (concreto betuminoso usinado a quente), é realizada uma mistura, composta por agregado graduado e cimento asfáltico aplicada e compactada a quente, a temperaturas de 165ºC. Com isso, o ligante betuminoso é incorporado a um conglomerado de agregados.

O asfalto quente é colocado e pavimentado com a ajuda de máquinas, que também realizam a compactação e o nivelamento do material.

No caso do asfalto frio, a principal diferença é que não são necessárias máquinas para o assentamento do asfalto. A via é liberada imediatamente e a compactação é feita pelos próprios veículos que passam pelo local.

Para escolher o asfalto ideal, é preciso analisar as demandas daquele local. Ou seja, o terreno, o tipo de veículos que trafegam no local, a quantidade de frenagens e cargas recebidas pelo local.

Nessa perspectiva, escolher o asfalto corretamente garantirá que a via tenha uma maior vida útil e que o investimento seja adequado para a pavimentação.

Descubra Qual Tipo de Asfalto é mais Vantajoso para o seu Negócio

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para o topo